TurfeOnline.com

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Banner
Banner
Banner


Em bonito final, defensor do NEVERENDING STUD conquistou o troféu do

 importante GP Presidente Presidente Raphael Aguiar Paes de Barros 2020 (G.III)

O importante Grande Prêmio Presidente Raphael Aguiar Paes de Barros 2020 (Grupo III – R$ 18.000,00), ocorrido Sábado, dia 4 de Abril, no percurso de 2.400 metros, em pista de grama leve, com cerca móvel, do Hipódromo Paulistano, reuniu nove preciosos fundistas, de 3 anos e mais idade. Preferido do público apostador, o talentoso AVIÃO SUREÑO (Macho, Castanho, 4 anos, do Rio Grande do Sul – First American e Notável Sureña por Redattore), criado pelo Haras Old Friends Ltda. e pertencente ao NEVERENDING STUD, levou a melhor em final emocionante.

Com a ótima joqueta Jeane Alves perfeita em seu dorso, o neto de Redattore, após acompanhar o início da carreira no pelotão intermediário, foi em busca de seu terceiro triunfo nobre quando os competidores adentraram a reta final. Impulsionado por Jeane, AVIÃO SUREÑO travou lindo duelo pela vitória com o insistente potro Notável (3.Hendrix), que estreava em Cidade Jardim vindo da Gávea e correu uma enormidade. Transbordando garra, o filho de First American despediu-se de seu maior oponente nos derradeiros 150 metros, superando-o por diferença de meio corpo. Algo afastado, em terceiro, finalizou Hassan (4.Forestry). O tordilho New American Dream (3.T.H.Approval) chegou em quarto, deixando Nhoquin (3.T.H.Approval) no complemento do placar remunerado. Depois, terminaram: Olympic Hollywood, Olympic Jack, Forte Cheyenne e Jet Lag (liderou a competição em seu começo).

O brilhante Thiago Haidar é quem responde pelo treinamento do vencedor, AVIÃO SUREÑO, que assinalou o tempo de 2m30s731s. O neto de Redattore surge como forte candidato ao êxito no renomado Grande Prêmio São Paulo (G.I), a ser disputado em Maio, também em Cidade Jardim. Quem quiser falar mais alto na maior prova do Turfe paulista terá de superá-lo.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

AVIÃO SUREÑO esbanjou talento em forte confronto de fundistas


 

CAMPELANDA DESBANCA RIVAIS NA MILHA

Qua, 08 de Abril de 2020 01:32

Neto de Torrential se impôs no GP Presidente José Cerquinho de Assumpção 2020 (G.III)

O Grande Prêmio Presidente José Cerquinho de Assumpção 2020 (Grupo III – R$ 18.000,00) – para animais de 3 anos e mais idade –, que aconteceu Sábado, dia 4, no percurso de 1.600 metros, em pista de grama leve, com cerca móvel, do Hipódromo de Cidade Jardim, teve como vencedor o precioso potro CAMPELANDA (Macho, Castanho, 3 anos, do Paraná – Midshipman e Rainha da Bateria por Torrential), de criação do Haras Santa Rita da Serra e propriedade da parceria do Haras Rio Iguassu com o Stud My Hero Dad.

Contando com eficiente direção do qualificado André Luiz Silva, o neto de Torrential acompanhou o início da carreira em quarto, aguardando a reta de chegada para evoluir. Na energia de seu piloto, CAMPELANDA avançou com firmeza nos 200 metros finais para garantir o segundo triunfo nobre de sua campanha, abrindo pouco menos de 3 corpos de vantagem sobre o veloz Ulrich Ralph (3.Bold Start), de excelente atuação. A terceira posição pertenceu a Genou (4.Put It Back). Aragano (4.Public Purse) concluiu sua apresentação em quarto, deixando Fillmore (5.Wild Event) na quinta colocação. Logo após, finalizaram: Bold Retriever, Hard Fast, Doc Doc Doc, Gargalo e Lawcourt. Grand Cru não foi apresentado.

Perfeitamente preparado, no Paraná, pelo qualificado Ademar de Barros Pereira, o vitorioso, CAMPELANDA, registrou a marca de 1m35s001s.         

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

CAMPELANDA: Brilhante demonstração na raia paulista


 

JACK UP FALA MAIS ALTO ENTRE OS VELOCISTAS

Qua, 08 de Abril de 2020 01:31

De ponta à ponta, pilotado de André Luiz Silva levantou o troféu

do GP Presidente Waldyr Prudente de Toledo 2020 (G.III)

Sábado, dia 4, no quilômetro gramado, em pista leve, do Hipódromo de Cidade Jardim, aconteceu a disputa do renomado Grande Prêmio Presidente Waldyr Prudente de Toledo 2020 (Grupo III – R$ 18.000,00), para produtos de 3 anos e mais idade. Nele, tivemos a categórica conquista do valente velocista JACK UP (Macho, Castanho, 4 anos, do Paraná – Salto e Countess Of Kent por Dr.Fong), criado pelo Haras Palmerini e pertencente ao Stud Galope.

Sob qualificada orientação do hábil André Luiz Silva, o descendente de Salto rapidamente tomou conta do primeiro lugar, ditando o ritmo da competição. Sem dar chances aos seus adversários, JACK UP, que não estava entre os preferidos dos apostadores, garantiu pouco mais de 1 corpo de vantagem sobre o valente Tácio (3.Pioneering), de atuação animadora. Descontando na hora da verdade, Icelandic (5.Silent Times) cruzou o disco no terceiro lugar. O experiente Consul American (8.First American) finalizou em quarto, deixando o favorito Nantucket (3.Tiger Heart) apenas no complemento do marcador. Depois, terminaram: Nordstorm e Falcão Shanghai.

Perfeitamente treinado, no Paraná, pelo competente Maurício S.Oliveira, o ganhador, JACK UP, que conquistou o primeiro êxito nobre de sua campanha, cravou o tempo de 55s439s.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

JACK UP: O melhor da partida à chegada!


 

FAST JET COURT: CADA VEZ MAIS LÍDER!

Qua, 08 de Abril de 2020 01:31

Filha de Courtier mantém sua invencibilidade nas pistas ao triunfar

no GP Presidente José Antônio Pamplona de Andrade 2020 (G.III)

Destinado a fêmeas de 2 anos, o renomado Grande Prêmio Presidente José Antônio Pamplona de Andrade 2020 (Grupo III – R$ 18.000,00), um dos destaques da programação de Sábado, 4 de Abril, no Hipódromo de Cidade Jardim, marcou nova vitória nas pistas da magnífica potranca FAST JET COURT (Fêmea, Alazã, 2 anos, do Paraná – Courtier e Trefiori por Flatter), criada por seu proprietário, o Haras Cima.

Contando com precisa orientação do qualificado Bruno Queiroz, a neta de Flatter novamente deu vantagem na partida, mas conseguiu recuperar-se a tempo de confirmar seu favoritismo. Quinta colocada no início da competição, FAST JET COURT ganhou terreno nos 200 metros finais para alcançar sua meta, seguindo para o espelho com meio corpo de vantagem sobre sua irmã e companheira de farda, Got Court (2.Courtier), formando a dobradinha de corredoras do Haras Cima nesta importante prova. A bela In Society (2.Put It Back) concluiu sua apresentação no terceiro lugar. Informática (2.Courtier) finalizou em quarto, com Fiona do Jaguaretê (2.Poker Face) na quinta colocação. Followed encerrou o lote, em sexto.

Impecavelmente apresentada por Olivo Zantedeschi – também encarregado pelo preparo da segunda colocada, Got Court –, a campeã, FAST JET COURT, que está invicta nas pistas através de três apresentações, todas na esfera clássica, registrou a marca de 1m17s391s para os 1.300 metros, em pista de grama leve, com cerca móvel, do Jockey Club de São Paulo.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

FAST JET COURT: Profunda superioridade entre as potrancas!


 

Descendente de Alcorano foi superior no GP Doutor Ênio Buffolo 2020 (G.III)

O talentoso potro FULL DO JAGUARETÊ (Macho, Castanho, 2 anos, do Rio Grande do Sul – Alcorano e Cineasta por Amigoni), de criação e propriedade do Stud Jaguaretê, deixou sua marca na edição 2020 do Grande Prêmio Doutor Ênio Buffolo (Grupo III – R$ 18.000,00) – para animais de 2 anos –, ocorrido Sábado, dia 4, na distância de 1.300 metros, em pista de grama leve, com cerca móvel, do Hipódromo de Cidade Jardim.  

Muito bem pilotado pelo aprendiz Maikon Mesquita, o filho de Alcorano, mantido desde a largada entre os ponteiros, evoluiu na altura dos 300 metros finais para garantir a terceira vitória nobre de sua campanha – a primeira em prova de Grupo. Mesmo pressionado nos momentos decisivos, FULL DO JAGUARETÊ teve forças para livrar pouco menos de 1 corpo de vantagem sobre o atropelador Unique Experience (2.Tiger Heart), que procurou vender caro a derrota. O favorito Najar do Iguassu (2.Kodiak Kowboy) ultrapassou o espelho no terceiro posto. O estreante Jobster (2.First American) terminou em quarto, deixando Post Sugar (2.Courtier) no complemento do placar remunerado. Olara Ogara encerrou o lote, em sexto. 

Carinhosamente preparado pelo talentoso Mário André, o campeão, FULL DO JAGUARETÊ, um dos líderes da Geração 2017 em Cidade Jardim, marcou o tempo de 1m19s325s.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

Categoria de FULL DO JAGUARETÊ voltou a prevalecer!


 

SÃO PAULO. Fechando a reunião de Sábado, 4 de Abril, no Hipódromo de Cidade Jardim, tivemos a disputa da edição 2020 do Clássico Erasmo Teixeira de Assumpção 2020 (Listed Race – R$ 11.000,00) – para fêmeas de 3 anos e mais idade –, programado para o percurso de 1.000 metros, em pista de grama leve. Quem levou a melhor nesta importante competição foi a bela velocista WAVE RED (4.Skypilot e Queen Red por Red Runner), de criação e propriedade do Haras Free Way.

Muito bem pilotada pelo talentoso Leandro Henrique, que a manteve entre as líderes desde a partida, a neta de Red Runner desvencilhou-se de suas rivais quando restavam 300 metros para o espelho, livrando 2 corpos e meio de vantagem sobre a participativa Himalaia (4.Put It Back), de elogiável desempenho na competição. Muito próxima, em terceiro, finalizou a eficiente Northern Town (4.Que Fenômeno), outra que correu atuou com destaque. Quetin Blue (3.Bold Start) cruzou o disco em quarto, deixando a favorita Best Magee (3.Pioneering), de desempenho modesto, no complemento do placar remunerado. A seguir, chegaram: Java´s Song, Nana Mouskouri, Aktion Glory, Heidy Bloom, Alegria Total, Tamar e My Pleasure.

O experiente Eduardo Gosik é quem responde pelo treinamento da vitoriosa, WAVE RED, que brilhou na esfera clássica pela primeira vez. Os cronômetros foram travados na marca de 55s699s.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

WAVE RED: Descendente de Skypilot conquistou sua vitória mais importante


 

Haras e Studs


Publicidade

Banner
Banner
Banner

Apoio

Banner
Banner
ZooBIO.pt

Banner
Banner