TurfeOnline.com

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Banner
Banner
Banner
Banner


SÃO PAULO. A bela potranca Nogueirinha (3.Soldier Of Fortune e Ijubinha por First American), criada pelo Haras Santa Camila e pertencente ao Stud Hole In One, se impôs na edição 2018 do Clássico Baronesa Marie Blanche Von Leithner (Listed Race – R$ 9.000,00) – para fêmeas de 3 anos e mais idade –, um dos destaques da reunião de Sábado, 6 de Janeiro, no Jockey Club de São Paulo.

Contando com preciosa orientação de Marcos Ribeiro, a neta de First American, que buscava seu primeiro triunfo na esfera clássica, permaneceu em quarto durante o começo da competição, aguardando a reta de chegada para evoluir. Na energia de seu piloto, Nogueirinha lutou intensamente por seu objetivo na hora da verdade, atingindo-o pouco antes do espelho, ao superar a também gaúcha Zuzu Bem (3.First American) pela pequena diferença de meia cabeça. A participativa Holy Byblos (4.Holy Roman Emperor) cruzou o disco próxima no terceiro lugar. Una Península (4.Molengão) foi a quarta e Great Vista (3.Pioneering) a quinta colocada. Depois, finalizaram: Brave Caroline, Été A Paris e Marica’s Mon.

O eficiente Eduardo Garcia é quem responde pelo treinamento da ganhadora, Nogueirinha, que percorreu os 1.600 metros, em pista de grama macia, com cerca móvel, do Hipódromo Paulistano, na marca de 1m35s908s.

FOTO: Hipódromo de Cidade Jardim

NOGUEIRINHA (centro) garantiu seu primeiro

êxito nobre somente nos últimos metros


 

SÃO PAULO. Confirmando o seu amplo favoritismo, a qualificada corredora Cinderela (5.Out Of Control e Threelittlewords por Wild Event), de criação do STUD TNT e propriedade do Haras Phillipson, derrotou as quatro adversárias que enfrentou na Prova Especial Dulce 2018 (R$ 5.500,00) – para fêmeas de 3 anos e mais idade –, disputada Sábado, dia 6, no percurso de 2.600 metros, em pista de grama pesada, com cerca móvel, do Hipódromo Paulistano.

Muito bem dirigida pelo excelente André Luiz Silva, a descendente de Out Of Control permaneceu no terceiro lugar até a metade da reta oposta, quando passou a vigiar de perto a veloz potranca Tango Mania (3.Soldier Of Fortune).

Ao adentrarem a reta de chegada, Cinderela precisou pressionar para obter seu segundo triunfo na esfera clássica. Mesmo encontrando uma inspirada Tango Mania em seu caminho, a neta de Wild Event assegurou a vitória pouco antes dos 200 metros finais, garantindo pouco mais de 1 corpo de vantagem sobre sua maior rival. Afastada, em terceiro, finalizou Sirinx (3.Public Purse). Fackellilie (3.Nedawi) completou a prova em quarto, deixando Olympic Giulia (4.Shirocco) na quinta e última posição.

A vitoriosa, Cinderela, que recebe o qualificado treinamento do ótimo Ermelino Sampaio, marcou o tempo de 2m45s902s.

FOTO: Hipódromo de Cidade Jardim

Ninguém conseguiu superar a grande favorita CINDERELA


 

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner

Apoio

Banner

Banner
Banner